Reabertura da matriz de CMD é marco histórico para o barroco, diz superintendente do Iphan

As portas da Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Conceição do Mato Dentro, foram reabertas definitivamente à população no último sábado, 8 de dezembro. A igreja passou mais de uma década fechada e passou por amplo processo de restauração. A reinauguração, segundo a superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Célia Corsino, “é um marco da história do barroco”.

A matriz foi reaberta durante as comemorações pelo aniversário de 316 de Conceição do Mato Dentro. A programação incluiu uma cerimônia religiosa na parte da manhã, presidida pelo arcebispo de Diamantina e administrador da Diocese de Guanhães, Dom José Darci Nicioli. “Que a abertura da matriz hoje seja para nós aurora de um novo tempo, de amor e paz, de prosperidade e fraternidade”, declarou o prefeito José Fernando Aparecido de Oliveira (MDB), agradecendo a todos os envolvidos na restauração.

Segundo Célia Corsino, o trabalho realizado na matriz conceicionense foi uma das maiores obras de restauração já realizadas no país. Descobriu-se debaixo de camadas de tinta feitas por volta dos anos de 1930, as pinturas originais da época da construção da igreja. Na capela-mor, havia a reprodução ilusionista de elementos arquitetônicos emoldurando as cenas da vida de Nossa Senhora. A retirada das camadas de tinta também revelou as passagens da vida de Cristo e pinturas adornando a Assunção de Nossa Senhora no forro do altar-mor.

A matriz estava fechada desde 2005, quando foi interditada devido a problemas em sua estrutura e conservação, sendo proibida a visitação do público. Em 2012, foi firmado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre a Anglo American e Ministério Público de Minas Gerais para a restauração da igreja. Em uma parceria que envolveu também a paróquia e a Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, a igreja foi totalmente restaurada, sendo investidos cerca de R$ 10 milhões. O trabalho foi realizado pela Cantaria Conservação e Restauro, com supervisão do Iphan.

História

A Matriz de Nossa Senhora da Conceição levou aproximadamente 100 anos para ficar pronta. O início da sua construção está intrinsecamente relacionado ao surgimento de Conceição do Mato Dentro, em 1702, durante o Ciclo do Ouro, e ocorreu por iniciativa do sertanista Gabriel Ponce de Leon, que mandou vir de Itu, São Paulo, em 1703, a imagem da padroeira. As obras foram totalmente concluídas no dia 6 de novembro de 1802.

DEPOIMENTOS

“A alma de Conceição está sendo devolvida ao povo. Que a abertura da matriz seja para nós aurora de um novo tempo, de amor e paz, de prosperidade e fraternidade.”
José Fernando Aparecido de Oliveira, prefeito de Conceição do Mato Dentro

“Mais do que uma obrigação, fazer parte desta história é um orgulho para nós. Estamos maravilhados com a descoberta artística propiciada pela restauração da matriz. Deixar esse legado para a comunidade é muito importante para nós.”
Ivan Simões, diretor de Assuntos Corporativos da Anglo American

“Quanto significado tem esta igreja. Quantas mãos construíram esta história. Agradeço a todos aqueles que não perderam a esperança de vê-la restaurada e reaberta. Não faltou fé, pois sem fé nada construímos. Estas paredes são testemunhas de muitas lágrimas e muitas alegrias.”
Dom José Darci Nicioli, arcebispo de Diamantina e administrador da diocese de Guanhães

“Que comece agora uma nova história com a reabertura da Matriz de Nossa Senhora da Conceição. Que ela seja a casa de todos os cristãos católicos.”
Padre João Evangelista, pároco da matriz

“É um sonho que se torna realidade. A igreja revestida da sua originalidade. O conceicionense pode viver toda a sua religiosidade em um ambiente tão sublime.”
Ivete Otoni, vice-prefeita de Conceição do Mato Dentro

“Sinto o coração apertado. Por um lado a emoção de ver esta restauração única. Por outro a tristeza de saber que o trabalho acabou e que deixarei para trás esta cidade onde vivi por anos e fiz muitos amigos.”
Dulce Senra, da Cantaria Conservação e Restauro

“A Matriz de Conceição do Mato Dentro está agora inscrita entre os mais importantes movimentos do Barroco, não só em Minas Gerais como no Brasil. A descoberta de pinturas tem a mais alta significação, o que torna esse monumento extraordinário e dá uma posição de destaque em todo acervo patrimonial brasileiro.”
Angelo Oswaldo, secretário de Estado de Cultura

“Estou muito feliz, muito emocionado com o resgate de patrimônio histórico e artístico religioso que vai além da comunidade conceicionense. A obra ficou maravilhosa, eu acho que as pessoas se sentem de novo com o sentimento de pertencimento a tudo que significa a arte, a fé, a história.”
Sávio Souza Cruz, deputado estadual  

“Não é uma vaidade profissional, mas um orgulho imenso saber que contribuí e participei do processo que resultou na restauração da igreja. Quando começamos em 2012, achei que ter os recursos era uma garantia da reforma da igreja. Mas a restauração demandou muito além do que imaginávamos e só foi possível porque todos aderiram ao projeto.”
Marcelo Mata Machado, promotor de Justiça

“Fui batizado aqui, mas quando a igreja fechou eu tinha apenas 6 anos e não me lembro muito. Sinto uma honra muito grande  poder conhecer a igreja agora.”
Conceicionense Marques Orlando de Souza, rei da Festa do Rosário

“É um sentimento de grande emoção e de agradecimento ter esta igreja de volta. É um momento marcante da minha vida e estou orgulhosa em saber que cantei no coral de reabertura da matriz.”
Conceicionense Maria Isidoro de Lima Oliveira, a Neném do Baía, rainha da Festa do Rosário

“É um sentimento de gratidão receber Nossa Senhora da Conceição novamente em sua casa. Esta igreja faz parte da nossa história. Ela fechou logo após o batizado do meu filho Felipe, de 16 anos, mas agora nós a temos de volta.”
Conceicionense Flor Maria de Maio Oliveira

Reprodução. Defato Online.
Fotos: Defato Online e G1.