Guanhães completa 143 anos de história

Nesta quinta-feira(25), o município de Guanhães completa mais um ano de existência. De uma área habitada por índios Guanahãs nos meados do século XVII, a localidade, que já levou outros nomes ao longo de sua história, hoje é a maior cidade da região com mais de 34 mil habitantes.

Os primeiros habitantes da região onde hoje está localizado o município de Guanhães, foram os índios Guanahãs, de origem tapuia e do grupo selvagem dos caingangue de Minas Gerais. A região era habitada pelos índios guanahãs,às margens do rio Guanahã que posteriormente passou a ser chamado Guanhães.

No século XVII, vários colonizadores à procura de ouro e pedras preciosas, atingiram o Rio das Velhas, onde se estabeleceram com fazendas de gado e culturas em geral.

Em meados de 1714 foi criada a Comarca de Vila do Príncipe, e com o passar do tempo as jazidas foram se esgotando e os mineradores decidiram migrar para outras regiões do Serro.

Sob a invocação de São Miguel, surgiu a primeira capela, São Miguel e Almas, construída pelo Alvará Régio do Príncipe D. João VI, em 26 de janeiro de 1811, sendo, porém, instituída dispensável pela provisão de 17 de junho de 1828. A Paróquia foi criada então no dia 14 de julho de 1832.

Guanhães foi elevado à categoria de distrito em 1828, pela Resolução de 14 de julho de 1832, com a denominação de São Miguel e Almas.

Em 23 de março de 1840, a Freguesia de São Miguel e Almas, através da Lei Provincial nº 171, incorporou-se ao município de Conceição do Mato Dentro (ex-Conceição do Serro), face ao disposto na Lei nº 1301.

Desmembrado do município de Conceição do Serro, alcançou à categoria de Vila, sede do novo município de São Miguel de Guanhães, pela Lei nº 21.132, de 25 de outubro de 1875 e, em 1879 emancipou-se do Serro. E por causa desta data o aniversário de Guanhães é comemorado no dia 25 de outubro.

Segundo documentos no arquivo do Cartório do 2º Ofício de Guanhães, consta o dia 09 de dezembro de 1879 como sendo o da instalação da Vila do Município de São Miguel de Guanhães, o qual passou a denominar-se Guanhães em 13 de setembro de 1881, através da Lei Provincial nº 2.766.

Com informações IBGE

Foto: Adriano Soalheiro

Por Ascom – Prefeitura de Guanhães

Notícias Relacionadas