Pimentel entrega carros para a área de saúde em municípios da região

Veículos vão beneficiar atendimento do Samu e da atenção básica. Investimento chegou a R$ 13,7 milhões para a aquisição dos veículos

O governador Fernando Pimentel entregou nesta segunda-feira, no Auditório JK da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, 239 veículos para a área da saúde, sendo 25 ambulâncias e 214 veículos para transporte de pacientes e serviços gerais. Os veículos devem beneficiar 179 municípios.

Durante a entrega, Pimentel destacou que os veículos são importantes para a melhoria do atendimento à população, principalmente, em municípios menores e que não dispõem de hospitais mais complexos. Os veículos serão distribuídos nos territórios de desenvolvimento Triângulo, Médio e Baixo Jequitinhonha, Sudoeste, Caparaó, Mata, Noroeste, Metropolitano, Oeste, Central, Mucuri, Vale do Aço, Norte e Vale do Rio Doce.

“Estamos entregando equipamentos extremamente importantes para a gestão pública dos municípios, e só quem não concorda com isso é quem não conhece Minas Gerais. Minas tem 853 municípios e quase 400, ou seja, quase a metade, têm menos de 10 mil habitantes. Mais de 200 cidades têm menos de 5 mil habitantes. São cidades muito pequenas, onde não é possível manter um equipamento de saúde completo, como um hospital ou uma clínica especializada”, disse o governador à Agência Minas.

O investimento para a aquisição dos veículos chegou a R$ 13,7 milhões, originários de emendas parlamentares. R$ 3 milhões vieram do Tesouro Estadual para a compra das 25 ambulâncias do tipo Unidade de Suporte Básico para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) nos municípios e nos Samus regionais.

Participaram do evento os secretários de estado de Governo, Odair Cunha, de Saúde, Sávio Souza Cruz, de Cidade e Integração Regional, Carlos Murta, de Esporte, Arnaldo Gontijo, de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais, Epaminondas Pires de Miranda, de Turismo, Ricardo de Faria, e o secretário de Desenvolvimento Integrado e Fóruns Regionais, Wadson Ribeiro.