Criança é picada por escorpião ao colocar boné na cabeça em Morro do Pilar

Está internado no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte, um garoto de 8 anos que foi picado por um escorpião nesta terça-feira (05/07/2017), em Morro do Pilar, na região Central do Estado. O animal estava escondido em um boné que foi colocado na cabeça pela criança.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, se não bastasse o fato dele ter sido picado, o quadro era bastante delicado pois o garoto já possuía um quadro de insuficiência renal, quando há dificuldade dos rins em filtrar as impurezas do sangue.

O menino vive com a família na localidade conhecida como Carioca, na zona rural do município, e foi levado inicialmente por seus pais para a Fundação Hospitalar Joaquim Bento de Aguiar, no município.

Devido à gravidade do ferimento, ele precisaria ser transportado para a unidade hospitalar da capital mineira, que é referência no tratamento de picadas de animais peçonhentos no Estado, o que levaria cerca de 2h30 de carro. Com isso, o helicóptero dos bombeiros entrou em ação e o menino foi transportado em 28 minutos até a capital mineira.

Segundo funcionários do hospital da cidade, lá são constantes os casos de picada de escorpião. “Aparece muita picada, mas são poucos os que evoluem para algum problema maior, cerca de três ou quatro casos por ano precisam ser transferidos”. explicou uma funcionária que não quis ser identificada.

Orientação

O Corpo de Bombeiros aproveitou para orientar a população em relação aos riscos com animais peçonhentos. A principal forma de evitar picadas é conferir calçados, chapéus e roupas antes de vestir, principalmente em localidades em que há o histórico de se encontrar aranhas, escorpiões e outros animais dentro de casa. Manter os terrenos das casas limpos também contribui para a diminuição de escorpiões.

(Aconteceu No Vale)