Está no Ar

Recados No Ar





Envie seu pedido!

Atlético corre para reforçar o time antes da Libertadores

Clube trabalha para fazer, pelo menos, duas contratações até o dia 6 de março, quando precisa entregar a lista de inscrição da competição continental

O Atlético-MG pode ser considerado um dos clubes da Série A que menos contratou jogadores. Até o momento, foram apenas três reforços contratados. Mas o clube deve aumentar a lista de reforços até o dia 6 de março, data em que precisa enviar à Conmebol os 30 nomes de atletas que serão inscritos na fase de grupos da Taça Libertadores 2017.

Depois do lateral Danilo, do zagueiro Felipe Santana e do volante Elias, o clube corre atrás de, pelo menos, um volante e um meia. Com o volante Roger Bernardo, do Ingolstadt, da Alemanha, já está tudo certo, porém, o jogador não entra na lista de pretensões imediatas do Atlético-MG, já que Roger Bernardo só poderá chegar ao Galo no meio do ano por estar em final de contrato com o clube alemão. Vale lembrar que o atacante Rafael Moura, que chegou ao clube este ano, foi contratado pelo Galo no ano passado e emprestado ao Figueirense (a negociação envolveu a ida do também atacante Clayton para o time mineiro).

REFORÇOS EM 2017

Até aqui, o Galo contratou o lateral Danilo, o zagueiro Felipe Santana e o volante Elias. Em 6 de março, o clube tem que enviar à Conmebol a lista de jogadores inscritos para a fase de grupos da Libertadores

A intenção da diretoria é anunciar os novos reforços nos próximos dias, para já dar ao técnico Roger Machado opções para a estreia da Libertadores, dia 8 de março, contra o Godoy Cruz, da Argentina.

Na visão de todos no clube, há a necessidade de reforçar o meio-campo atleticano. Tanto na marcação quanto na criação. Apenas Rafael Carioca e Elias são considerados volantes de marcação de primeira linha. Danilo joga no setor, porém, é lateral-esquerdo de origem. Ralph e Yago são jogadores jovens, recém-promovidos da base.

Para o setor de criação, o clube conta com Otero, Robinho, que é atacante, porém, realiza a função de municiar o ataque, Cazares e Maicosuel. Esse último joga como ponta, apesar de ser meia de origem, enquanto o equatoriano ainda não apresentou um desempenho regular nesse início de temporada. (Globoesporte.com)